Resumindo, o agachamento é o exercício mais difícil, intimidante e doloroso que pode existir para pernas e glúteos. Eles exigem uma quantidade enorme de disciplina e força de vontade para executar corretamente. Depois de ter realizado uma série de agachamentos ao fracasso, você saberá exatamente do que estamos falando. O agachamento também é um exercício difícil de dominar do ponto de vista técnico.

Ele é um dos, se não o mais eficaz, exercícios de produção de crescimento que se poderia incluir na sua rotina de treino. Ele vai aumentar mais o tamanho e a força dos seus membros inferiores forçando o seu corpo a liberar quantidades maiores de importantes hormônios anabólicos como a testosterona e o hormônio do crescimento.

Além disso, o agachamento causa um “efeito” de ganho de força em quase todos os outros exercícios.  Se você está procurando ganhos musculares gigantes e você ainda não os possui, é melhor você começar!

Infelizmente, muitas pessoas ainda não experimentaram os benefícios do agachamento pesado. Parece que as pessoas inventam qualquer desculpa.

Quantas vezes você já ouviu: “Agachamentos estão muito intensos para os meus joelhos”, ou “eu ouvi que eles atrapalham o seu crescimento.” Bobagem!

Se você está na academia com o objetivo de maximizar seus ganhos musculares totais do seu corpo, o agachamento é um imperativo absoluto.

Técnica apropriada!

Por razões de segurança, você deve sempre realizar o seu agachamento em uma barra guiada. Desta forma, você pode ajustar a altura da barra, e se você cair, a barra ficará sustentada nos pinos de segurança. Os pinos de segurança devem se posicionar abaixo da profundidade que você está de cócoras e os ganchos “J” devem estar fixados ao nível de seus mamilos.

Em todos os momentos durante o agachamento sua cabeça deve ser puxada para trás, levante seu peito e você deve fazer um ligeiro arco na parte inferior das costas. Você deve estar sempre olhando para frente, e em nenhum momento você deve se inclinar à frente ou estar olhando para cima ou para baixo.

Coloque suas mãos após a largura dos seus ombros. Certifique-se de que se corpo está no meio da barra. A barra deve estar na porção posterior de seus ombros. Deve sentir quase como se a barra fosse rolar em suas costas.

A maioria dos acidentes ocorre no momento da descida do agachamento, por isso certifique-se que você só abaixará o que suportar. Seus pés devem ser colocados a largura dos ombros ou um pouco mais amplo, e deve apontar para fora em um ângulo de 45 graus.

Respire fundo, e faça a sua descida. Você deve abaixar como se estivesse sentado em uma cadeira atrás de você. Em todas às vezes o seu joelho deve ficar em linha com os pés, e nunca passando a frente deles. Abaixe-se até que suas coxas fiquem paralelas ao chão.

Assim que você tiver alcançado a posição, levante-se imediatamente. Não relaxe na posição inferior!E endireite as costas o mais rapidamente possível.

Quando você estiver na posição ereta novamente, retome o fôlego, e continue a levantar até ter completado o número desejado de repetições.

Considerações Finais

É recomendado a sua realização uma vez por semana, por 2 a 4 séries de 5-15 repetições. Concentre-se continuamente para sustentar mais pesos e mais repetições.

Saúde e treino consciente sempre!

Postagem Relacionadas: